domingo, 19 de junho de 2011

SIMULADO 2º ANO SEGUNDA FEIRA

ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO
JOSÉ MARTINS RODRIGUES
I SIMAR - 2011
2º ANO MATEMÁTICA – PROFESSORES: IVANA, GLAUBERTO, SUSANA E CINTIA.
ALUNO(A)___________________________                                                   SEDE ( ) POLO( )_________________

1. O gráfico abaixo, obtido a partir de dados do Ministério do Meio Ambiente, mostra o crescimento do número de espécies da fauna brasileira ameaçadas de extinção.
                



   
Se mantida, pelos próximos anos, a tendência de crescimento mostrada no gráfico, o número de espécie ameaçadas de extinção em 2011 será igual a:
A. 465               B. 493      C. 498       D. 538         E.  699

PARA RESPONDER AS QUESTÕES 2 e 3:
TEXTO:
  O Aedes aegypti é vetor transmissor da dengue. Uma pesquisa feita em São Luís – MA, de 2000 a 2002, mapeou os tipos de reservatório onde esse mosquito era encontrado. A tabela abaixo mostra parte dos dados coletados nessa pesquisa.
  


   
2. De acordo com essa pesquisa, o alvo inicial para a redução mais rápida dos focos do mosquito vetor da dengue nesse município deveria ser constituído por:
A. pneus e caixas d’água.                                   B. tambores, tanques e depósitos de barro.
C. vasos de plantas, poços e cisternas.               D. materiais de construção e peças de carro.
E. garrafas, latas e plásticos.

3. Se mantido o percentual de redução da população total de Aedes aegypti observada de 2001 para 2002, teria sido encontrado, em 2003, um número total de mosquitos   
A. menor que 5.000.                                                          B.  maior que 5.000 e menor que 10.000.
C. maior que 10.000 e menor que 15.000.                        D. maior que 15.000 e menor que 20.000.
E. maior que 20.000.

4. A diversidade de formas geométricas espaciais criadas pelo homem, ao mesmo tempo em que traz benefícios, causa dificuldades em algumas situações.
Suponha, por exemplo, que um cozinheiro precise utilizar exatamente 100 mL de azeite de uma lata que contenha 1.200 mL e queira guardar o restante do azeite em duas garrafas, com capacidade para 500 mL e 800 mL cada, deixando cheia a garrafa maior. Considere que ele não disponha de instrumento de medida e decida resolver o problema utilizando apenas a lata e as duas garrafas. As etapas do procedimento utilizado por ele estão ilustradas nas figuras a seguir, tendo sido omitida a 5.a etapa.
  

  
Observe as figuras:


  
5. As figuras acima apresentam dados referentes aos consumos de energia elétrica e de água relativos a cinco máquinas industriais de lavar roupa comercializadas no Brasil. A máquina ideal, quanto a rendimento econômico e ambiental, é aquela que gasta, simultaneamente, menos energia e água.
Com base nessas informações, conclui-se que, no conjunto pesquisado,
A. quanto mais uma máquina de lavar roupa economiza água, mais ela consome energia elétrica.
B. a quantidade de energia elétrica consumida por uma máquina de lavar roupa é inversamente proporcional à quantidade de água consumida por ela.
C. a máquina I é ideal, de acordo com a definição apresentada.
D. a máquina que menos consome energia elétrica não é a que consome menos água.
E. a máquina que mais consome energia elétrica não é a que consome mais água.
6. Uma lanchonete vende sanduíche natural, composto de queijo branco, peito de peru e salada, em três tamanhos: grande, médio e super. Na tabela seguinte, encontramos a quantidade de ingredientes para cada tamanho:

Tamanho
Queijo branco
Peito de Peru
Salada
Médio
40g
40g
30g
Grande
60g
50g
60g
Super
80g
60g
80g
Durante o horário de almoço, verificou-se, em certo dia, que o consumo total de queijo branco foi de 2,44 kg; o de peito de peru, de 2,08 kg; e o de salada, de 2,29 kg. Quantos sanduíches de cada tamanho a rede vendeu nesse dia?
7. Uma vendedora de lojas de roupas atendeu, no mesmo dia, três clientes e efetuou as seguintes vendas:
Cliente 1: 1 calça, 2 camisas e três pares de meias. Valor: R$156,00
Cliente 2: 2 calças, 5 camisas e seis pares de meias. Valor: R$347,00
Cliente 3: 2 calças, 3 camisas e quatro pares de meias. Valor: R$253,00
Quanto custou cada par de meia?
A. R$ 12,00                          B. R$ 15,00              C. R$ 20,00                        D. R$ 25,00                         E. R$ 30,00

8. Os alunos do ensino médio de uma escola organizaram uma festa junina no pátio da escola. Três barracas, A, B e C, distribuídas no pátio, ofereciam exatamente as mesmas opções de alimentação: minipizza, quentão e pastel; cada uma dessas três opções tinha o mesmo preço nas três barracas. Ao final da noite, encerrada a festa, fez-se um balanço sobre o consume nas barracas e verificou-se que:
a) na barraca A, foram consumidos 28 minipizzas, 42 quentões e 48 pastéis, arrecadando-se um total de R$ 102,00;
b) na barraca B, foram consumidos 23 minipizzas, 50 quentões e 45 pastéis, arrecadando-se um total de R$ 95,00;
c) na barraca C, foram consumidos 30 minipizzas, 45 quentões e 60 pastéis, arrecadando-se um total de R$ 117,00.
Quanto custava a minipizza nessa festa junina?

9. Em uma lanchonete, registrou-se o consumo em três mesas, conforme mostra a tabela seguinte:
MESAS
REFRIGERANTE
CAFÉS
SALGADOS
1
10
3
20
2
2
7
4
3
5
4
10
Na mesa 1, a despeza foi R$91,00 e, na mesa 2, R$ 31,00.
Classifique como V ou F as afirmações seguintes:
a) (   ) O preço unitário do café é de R$ 2,00                                                                    
b) (   ) O preço unitário do refrigerante é de R$ 1,80
c) (   ) O valor da despesa da mesa três não pode ser determinado
d) (    ) É impossível impossível determinar o preço unitário do refrigerante e do salgado.
e) (    ) O valor da despesa da mesa três é inferior a R$ 52,00

10. Cururu é um sapo estranho; ele se desloca apenas com dois tipos de saltos:
SALTO1: 10 cm para Leste e 30 cm para Norte
SALTO 2: 20 cm para Oeste e 40 cm para Sul
Descreva como Cururu pode chegar a um ponto situado a 90 cm para leste e 950 cm para ao Norte de sua casa?
________________________________________________________________________________________________________________________________________




ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO JOSÉ MARTINS RODRIGUES
                                  I SIMAR - 2011
2º ANO HISTÓRIA – PROFESSORES: VALDERY, TIM, VALDIANA.
ALUNO(A)__________________________N° SEDE (       ) POLO (      )__________________________

01. "(...) desde o começo até hoje a hora presente os espanhóis nunca tiveram o mínimo cuidado em procurar fazer com que a essas gentes fosse pregada a fé de Jesus Cristo, como se os índios fossem cães ou outros animais: e o que é pior ainda é que o proibiram expressamente aos religiosos, causando-lhes inumeráveis aflições e perseguições, a fim de que não pregassem, porque acreditavam que isso os impediria de adquirir o ouro e riquezas que a avareza lhes prometia." (Frei Bartolomeu de Las Casas. "Brevíssima relação da destruição das Índias", 1552.) No contexto da colonização espanhola na América, é possível afirmar que:
a) existia concordância entre colonizadores e missionários sobre a legitimidade de sujeitar os povos indígenas pela força.
b) os missionários influenciaram o processo de conquista para salvar os índios da cobiça espanhola.
c) colonizadores, soldados e missionários respeitavam os costumes, o modo de vida e a religião dos povos nativos.
d) os padres condenavam as atitudes dos soldados porque pretendiam ficar com as riquezas das terras descobertas.
e) os missionários condenavam o uso da força e propunham a conversão religiosa dos povos indígenas.

02.  Para um homem ter o pão da terra, há de ter roça; para comer carne, há de ter caçador; para comer peixe, pescador; para vestir roupa lavada, lavadeira; ... e os que não podem alcançar a tanto número de escravos, ou passam miséria,  realmente, ou vendo-se no espelho dos demais lhes parece que é miserável a sua vida.
(Padre Vieira, 1608-1697.)
O texto mostra que, para se viver bem na Colônia, seria preciso
ter, sobretudo,
(A) escravos.               (B) terras.
(C) animais.                 (D) cultura.

03. Leia atentamente os versos a seguir:
“Setembro passou
Cum oitubro e novembro
Já tamo em dezembro
Meu Deus, que é de nós?
Assim fala o pobre
Do seco nordeste
Cum medo da peste
Da fome feroz
*************
Nós vamo a São Paulo
Que a coisa ta feia
Por terras aléia
Nós vamo vaga
Se nosso destino
Num for tão mesquinho
Pro mesmo cantinho
Nós torna a volta.”
O fragmento anterior, extraído da toada “A
Triste Partida”, de Patativa do Assaré, NÃO
poderia retratar RETRATA:

A) As secas no ceará e a saga do retirante nordestino, partindo para as cidades em busca de dias melhores.
B) toda a sensibilidade de quem viveu profundamente o sertão e a cidade nas grandes estiagens.
C) uma peça épica grega em torno de uma realidade que existe há muito tempo e persiste até os nossos dias.
D) o apelo simbólico dos vários grupos de paulistas que negaram-se a abandonar sua terra e suas raízes.

04. "Por toda a Europa reinava apenas uma Igreja: se um homem não era batizado na Igreja, não era membro da sociedade. Quem fosse excomungado pela Igreja perdia automaticamente seus direitos civis e políticos, Os índios eram vistos como animais e as práticas de antropofagia eram amplamente horrorizadas, cabia aos navegantes desbravar a terra nova e domesticar aqueles que necessitavam da mensagem de cristo." A civilização da Europa possuiu a característica anteriormente mencionada na:
a) Antigüidade, durante principalmente o Império Romano
b) Idade Moderna durante as navegações
c) Idade Contemporânea
d) Idade Antiga, por inspiração do Iluminismo

05. Os indígenas que habitavam o Brasil em 1500 viviam da caça, da pesca e da agricultura de milho, amendoim, feijão, abóbora, bata-doce e principalmente mandioca. Esta agricultura era praticada de forma bem rudimentar, pois utilizavam a técnica da coivara (derrubada de mata e queimada para limpar o solo para o plantio). Algumas tribos eram canibais como, por exemplo, os tupinambás que habitavam o litoral da região sudeste do Brasil. A antropofagia era praticada, pois acreditavam que ao comerem carne humana do inimigo estariam incorporando a sabedoria, valentia e conhecimentos. Desta forma, não se alimentavam da carne de pessoas fracas ou covardes. A prática do canibalismo era feita em rituais simbólicos. 
Sobre a antropofagia praticada pelos índios marque a alternativa correta:
A.Todos os índios praticavam o canibalismo, independente de tribo, língua ou etnia
B.Os rituais de antropofagia eram muito bem visto pelos portugueses que achavam aquilo intrigante e particular às tribos indígenas.
C.Os rituais de antropofagia eram praticas particulares a algumas tribos e era feito não somente para se alimentar, mas para evocar forças espirituais, típico dos índios.
D.Durante a semana os índios canibais se alimentavam de coisas da floresta, e aos finais de semana comiam carne de gente para fortificar seu espírito.

06. Os jesuítas opuseram-se várias vezes à escravidão indígena. Eles fundaram uma série de aldeamentos missionários - chamados missões ou misiones no sul do Brasil, ou ainda reducciones, no Paraguai - organizados de acordo com o ideal católico, que, mais tarde, acabaram sendo destruídos por espanhóis, e principalmente por portugueses, à cata de escravos. Os jesuítas chegaram ao Brasil em 1549 e começaram sua catequese erguendo um colégio em Salvador da Bahia, fundando a Província Brasileira da Companhia de Jesus. Cinquenta anos mais tarde já tinham colégios pelo litoral, de Santa Catarina ao Ceará. Quando omarquês de Pombal os expulsou, em 1760, eram 670 por todo o país, distribuídos em aldeias, missões, colégios e conventos.
Sobre a missão dos jesuítas no Brasil é correto afirmar que:
a) A função dos padres jesuítas era de escravizar os índios e mandá-los para Portugal muito bem domesticados e independentes.
b) Além de catequizar, os padres jesuítas faziam aldeamentos que eram comunidades pacíficas onde podiam ensinar as regras da igreja aos nativos mudando assim totalmente a cultura dos indígenas.
c) Os aldeamentos eram verdadeiros colégios onde se aprendia a ler e escrever, onde, posteriormente, os índios padres poderiam repassar aos seus colegas os ensinamentos aprendidos.
d) Para os portugueses os aldeamentos e os jesuítas não tinham o menor valor, por esse motivo os jesuítas eram voluntários em um programa de catequização dos nativos.
_______






ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO JOSÉ MARTINS RODRIGUES
                                  I SIMAR - 2011
2º ANO FILOSOFIA – PROFESSORES: VALDERY, TIM, VALDIANA.
ALUNO(A)_________________________ N° SEDE (       ) POLO (      )___________________





01.  Com a passagem do saber mítico ao saber racional houve uma verdadeira revolução espiritual. As novas conquistas e descobertas deixaram a maioria das pessoas desorientadas e desconfiadas. Neste sentido, buscou-se um novo centro, em que o ser humano só encontraria em si mesmo, ou seja, algo que garantisse um conhecimento verdadeiro, este novo centro foi:
a) Mitologia                  b) Razão
c) Representação          d)  Observação

02.  O ser humano, desde seus primórdios até nossos dias, vive uma busca incessante por compreender a si mesmo e o mundo a sua volta. Isso levou a que muitos pensadores sentissem a necessidade de entender primeiro sua própria capacidade de entender, antes de confiar plenamente na percepção e compreensão das coisas, ou seja, o problema do conhecimento. Como ficou conhecida essa teoria:
a) Teoria da representação                b) Teoria do conhecimento.
c) Teoria do sujeito.                          d) Teoria da existência humana,

03.  ”O que é conhecer?” Conforme analisa o filósofo norte- americano contemporâneo Richard Rorty 'conhecer é representar cuidadosamente o que é exterior a mente'.Segundo ele, para que o conhecimento aconteça são necessários dois elementos básicos do processo, são eles:
a) Sujeito e objeto.                     b) Objeto e fundamentação.
c) Sujeito e conhecedor.            d) Objeto e realismo.
04.  Para aqueles que admitem a possibilidade do conhecimento humano resta perguntar: de onde se origina o conhecimento? Renê Descartes, em sua teoria das idéias claras e distintas afirma que a experiência sensorial é uma fonte permanente de erros e confusões sobre a complexa realidade do mundo. Somente a razão humana, trabalhando com os princípios lógicos podem atingir o conhecimento verdadeiro, capaz de ser universalmente aceito. Desse modo, qual corrente filosófica é definida como verdadeira para Renê Descartes:
a) Empirismo                 c) Dogmatismo
b) Apriorismo                d) Racionalismo

05.  “Quem não quiser se equivocar deve construir sua hipótese, derivada da experiência sensível sobre um fato, e não supor um fato devido a essa hipótese”.                                                                                   Locke.
Locke, difusor da tese empirista, afirmava que no instante do nascimento nossa mente é como uma tabula rasa, um papel em branco sem nenhuma idéia previamente escrita. De acordo com a tese empirista marque a opção correta:

a)Nada existe em nossa mente que não tenha sua origem nos sentidos.
b)Ao nascermos já temos uma base teórica sobre conhecimento de mundo.
c)Para conhecer a verdade, é preciso de início, colocar todos os nossos conhecimentos em duvida.
d)Todas as nossas idéias estão baseadas no inatismo humano.

06.  O palco inicial do empirismo moderno foi à Inglaterra. Nesse país grande parte da burguesia, a partir do século XVII, conquistou não apenas o poder econômico, mas também o poder político e ideológico. Nesse sentido, o empirismo promoveu a ascensão da burguesia, impondo o fim do absolutismo, defendendo que:
a) A teoria do direito divino deveria ser assegurado pelo fato de que todo homem nasce com propósitos definidos.
b) A teoria do inatismo, defendendo que todo homem nasce com idéias provenientes da razão humana.
c) A teoria do direito divino deveria ser abolida pelo fato de que todo ser humano nasce como uma folha em branco , somente a partir da experiência é que se adquiri conhecimentos.
d) A teoria de que “nunca nos devemos deixar persuadir senão pela razão”


ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO JOSÉ MARTINS RODRIGUES
                                  I SIMAR - 2011
2º ANO  INGLÊS  – PROFESSORAS: ELENILCE e ELIONETE
ALUNO(A)_____________________________N° SEDE (       ) POLO (      )__________________________

 World Englishes

           In the period between the end of the reign of Queen Elizabeth I in 1603 and the later years of the reign  of Elizabeth II at the start of the twenty-first century, the number of speakers of English increased from a mere five to seven million to somewhere between one-and-a-half and two billion. Whereas the English language was spoken in the mid-sixteenth century only by a relatively small group of mother-tongue speakers born and bred within the shores of the British Isles, it is now spoken in almost every country of the world, with is majority speakers being those whom it is not a first language.
Currently, there are approximately seventy-five territories where English is spoken either as a first language (L1), or as an official (i.e. institutionalised) second language (L2) in fields such as government, law and education.
Vocabulário
Between – entre              currently - atualmente
Queen – rainha                 law - direito
Reign – reinado               twenty-first – vinte e um
century – século             Whereas – considerar
Spoken – falado
mid-sixteenth – meados do século XVI
one-and-a-half – um ano e meio
mother-tongue – lingual maternal
speakers – auto-falantes
within – dentro
majority – maioria
being - sendo

De acordo com o texto, responda:
01. A partir do trecho “...with its majority speakers being those for whom it is not a first language”. (lines 9-10), podemos concluir que:
a) a maioria dos falantes de inglês no mundo é composta por pessoas para quem o inglês é a primeira língua.
b) a maioria dos falantes de inglês no mundo é composta por pessoas para quem o inglês é a terceira língua.
c) a maioria dos falantes de inglês no mundo é composta por pessoas para quem o inglês não é a primeira língua.
d) a maioria dos falantes de inglês no mundo não gosta de falar com pessoas para quem o inglês não é a primeira língua.

02. Sobre o que fala o texto?
a) a língua inglesa no mundo                                 b) a obrigação de se aprender inglês
c) a origem da língua inglesa                                 d) a origem e importância da língua inglesa

03. Increased é um exemplo de um verbo:
a) Simple Past                                c) Simple Present
b) Past Continuous                         d) Simple Future

04. O Past Continuous é um tempo verbal omposto de was/were + forma verbal final ing. De acordo com a explicação acima, observe as sentenças abaixo:
I. My children slept when I sang to them.
II. Why is that your friend was always gossiping?
III. Helena’s boyfriend was crying while she was laughing.
Constatamos que está/estão correta (s):
a. apenas a I                    b. apenas a II
c. apenas a III                 d. apenas a II e a III
e. todas as sentenças

05. De acordo com o que foi visto sobre o Simple Past marque a opção em que o uso do verbo está incorreto:
A. Oscar Niemer workied hard when he was young, and he still does. (to work)
B. A lion passied by a field where four oxen lived. (to pass)
C. The lion tried to attak them, but when he came near the oxen turned their tails to one another for protection. (to try – to turn)
D. So, every time the lion approachd the oxen he met the horns of one them. (to approach)
E. Aesop was a Greek writer who lividede in the sixth century B. C. He were the author of several traditional stories about animals, called fables. (to live-to be)

06. Coloque V par verdadeiro e F para falso na sequência que apresenta o Simple Past na forma negativa:
(        ) Nancy didn’t take that bus
(        ) Nancy is not take that bus
(        ) Nancy did take that bus
De acordo com as sentenças acima, assinale a opção correta:
a.VVF                         c. VFV
b.VVV                        d. FVF
e. VFF


Um comentário: